Google + COMEMORANDO 7 ANOS DE ESCLEROSE MÚLTIPLA ~ A VIDA COM ESCLEROSE MÚLTIPLA

Youtube

14 de fev de 2014

COMEMORANDO 7 ANOS DE ESCLEROSE MÚLTIPLA



Oi gente tudo bem? Eu estou bem tirando os meus perrengues femininos, esses me faz arrancar os cabelos, mas isso é uma outra história.
Hoje eu quero falar de um assunto que todo ano nessa época não sai da minha cabeça, o aniversário da nossa companheira em minha vida!
Quando entra fevereiro começo a contar quantos anos ela está fazendo e esse ano a EM completa 7 anos em minha vida!! Isso mesmo foi no mês do carnaval que meu diagnóstico foi fechado e eu tive que começar a pensar diferente.
Claro que do dia da notícia anunciada até quando comecei a entendê-la vai mais de sete anos em tempo imaginário...rs
Porque é sim uma mudança e mudanças não costumam ser fáceis e simples. Requer sempre uma transformação e é o que minha psicóloga sempre chamou de nova configuração e é assim mesmo que me sinto reconfigurada.
Quando fui avisada que ia ter que conviver com a EM pro “resto da vida” e haveria algumas limitações e talvez eu não conseguisse fazer tudo que estava fazendo naquele momento ou pelo menos não da mesma maneira, nem tinha ideia de como seriam os meus limites e de como a EM iria se comportar. Logo nos primeiros meses com a nossa companheira ela não foi nada amigável e eu tive muitos perrengues e a enfrentei. Logo percebi que ela é sim bem chatinha, birrenta e quando você menos espera se manifesta.
Depois de tratamentos encaminhados o andar da carruagem melhorando, pude perceber que ela está conosco o tempo todo, da hora que levantamos a hora que nos deitamos pra dormir, ou seja, nossa companheira é diária,então o melhor seria preparar a cabeça pra convivermos muito bem juntinhas. Assim são sintomas, sequelas e sensações diferentes que costumo até a brincar e dizer que é uma aventura, um dia você está rodando no carrossel no outro sentada bem em cima do formigueiro e assim vamos levando, quando podemos com humor senão caímos no choro também porque ninguém é de ferro.
Mas não posso esquecer tudo que ela me deu de presente! A esclerose múltipla me transformou numa pessoa muito melhor, mais madura que não perde tempo, bem mais determinada, mais preocupada com a saúde e que enxerga mais beleza em sua volta.
Minha vida deu um giro de 180 graus, mudei tudo que não estava mais se encaixando e acrescentei outras que hoje é essencial. A minha antiga configuração não tinha pra que estudar francês se o mercado exige o inglês! Dinheiro pra fazer terapia? Tempo pra atividade física?
Naquela época eu arrumava desculpa pra tudo. Mas quando a água bateu na bunda, fui fazer o meu tão esperado francês, matar a vontade da terapia e a academia virou uma “obrigação”. Tudo que fez a minha vida mais leve e feliz!!!
Recebi por email alguns questionamentos sobre como eu consigo ter uma vida normal apesar da EM respondo levo uma vida normal, na maioria das vezes respeitando os meus limites mas quando não os levo tão a sério, a minha companheira entra em cena e me coloca no meu lugar, ou seja, daí preciso mais do que limites necessito de repouso...rs
Bom, todo ano comemoro esse aniversário, deixando claro que desapegar do que não está dando certo, iniciar uma nova vida e ter um recomeço é essencial! 
Fecho essa comemoração dizendo mais uma vez que aprendi nesses 7 anos que a nossa mente é quem controla e ajuda no nosso estado, por isso o pensamento positivo é o que nos leva pra frente e quando temos uma recaída é o que nos levanta.
Pra quem estiver recebendo essa notícia agora que terá que conviver com a nossa companheira diariamente, eu sei que é difícil, mas mantenha a calma, a sensatez e o pensamento positivo sempre!!!!
Bem meus queridos acho que é isso!!!!
Vou ficando por aqui desejando aos iniciantes muita força e perseverança pra não deixar que a EM transforme a sua essência!!!!
Mil beijinhos e até mais....

0 comentários :

Postar um comentário

Qualidade Vivida

Qualidade Vivida
Qualidade Vivida