Google + ELE É O TAL NA SUA FESTA DE ARROMBA ~ A VIDA COM ESCLEROSE MÚLTIPLA

Youtube

19 de mar de 2011

ELE É O TAL NA SUA FESTA DE ARROMBA

Oi gente tudo bem? Eu estou bem! Ainda não tive mais nenhuma notícia da readaptação, mas acho que é assim mesmo. Então vou curtindo a minha vida adoidado por enquanto!!!
Confesso que será muito difícil levar uma vida normal depois de 4 anos tendo uma vida noturna. Não pensem besteiras, pra quem já me conhece, sabe como adoro ficar acordada a madrugada inteira assistindo filmes e o meu dia só começa depois do meio dia, ou seja, troco o dia pela noite.
Bom, mas hoje quero contar pra vocês meus queridos que na quinta-feira eu e o Baby fomos ao show do Erasmo Carlos no Sesc São Carlos, esse show fez parte de um festival rockabilly que tem há quatro anos aqui na cidade que se chama Be Bop a Lula e revive toda a época musical dos anos 50 e 60.
Erasmo com seus 72 anos deu uma festa de arromba no ginásio do Sesc com a lotação máxima. O público mais animado sem dúvida era o do pessoal mais velho, que dava de 10 a zero na gente. As músicas que ele cantou foram desde as antigas como as mais novas e todo mundo acompanhava.
Eu me diverti muito pois adoro as músicas dele, as que ele canta e as que outros artistas gravaram. O clima tava muito gostoso.
Mas o local estava muito lotado e abafado, de repente eu comecei a sentir o chão em movimento, parecia que ele estava subindo, olhei pro Baby e disse "Nossa acho que tá me dando tontura e daquelas!".
Bem, lá fomos os dois chegando para trás, e pra trás até na porta onde conseguia sentir um pouco do vento, tomei duas garrafinhas d´água e foi melhorando. Mas em nenhum momento, mesmo tonta....rs....não parava de dançar, nem tinha como, ele é muito animado! Só quando ele cantou "gatinha manhosa" que aproveitei pra descansar mesmo em pé, mas coladinha no meu Baby!
Foi maravilhoso o show, ele é o tal é o tal mesmo!!! 
A única coisa que comentei com o Baby, é que estou um pouco inconformada com a falta de educação e de respeito das pessoas.
No domingo passado nós fomos ao cinema assistir "Cisne Negro" um filmaço, um drama psicológico com um pouco de suspense muito bom! O filme tem classificação para maior de 18 anos e lá dentro do cinema fiquei inconformada com pessoas sem noção. Tinha umas meninas de seus vinte e poucos anos que parecia a primeira vez que tinha saído de casa pra ir ao cinema. Ficavam conversando durante o filme, e a cada cena chocante fazia aquele showzinho "Ai que medo, tô ficando com medo desse filme!" Ficavam falando alto pra todo mundo ouvir.
Daí no show aconteceu a mesma coisa, tinha umas turminhas que paravam na nossa frente, faziam um círculo, viravam de costas pro músico e ficavam conversando, zoando das músicas, fazendo gracinhas. A gente nem escutava a música direito, eu fico louca com isso!
E eu não entendo, fico mesmo inconformada, pra que você vai num show pra conversar? Ficar batendo papo e fazendo gracinha? Precisa ir num show, acho uma falta de respeito com o artista, mesmo que ele não esteja vendo (de tão lotado que tava) e com os que estão a sua volta!
O Baby fala que eu me preocupo demais, mas não é isso, me incomoda mesmo, falta de educação é o pior defeito que algúem pode ter, pra mim é um defeito sim.
Pra assistir um filme, comer pipoca e bater papo existem as locadoras e pra conversar numa roda de amigos fazendo gracinha, nada melhor que a sua casa. Porque, vão me desculpar mas eu não sou obrigada a ver a gracinha dos outros, quando quero dar risada escolho muito bem de quem dar risada!
Sabe gente, esse mundo tá mesmo virado de cabeça pra baixo tudo tá tão politicamente correto, e nada tá certo!!!
Sei lá, foi só um pensamento que me ocorreu!!


Mas o importante é que Erasmo Carlos continua um tremendo TREMENDÃO....e pra quem puder vale muito a pena, confiram o show dele!!!
Vou ficar por aqui, tenham uma ótima noite de sábado, que aliás é noite de lua cheia especial, esta lua é a maior vista em 18 anos. Confiram no excelente blog Observatório, que por acaso é do meu irmão mais velho Cassio, e pai das minhas sobrinhas princesinhas!!!
Muitos beijinhos e até a próxima...


E hoje eu (o Baby) estou aqui para recomendar um filme que escolhi na locadora e a Fabi torceu o nariz a princípio. Ela fala que só escolho filmes que tem a ver com gatronomia, o que não deixa de ser verdade, mas depois ela acabou gostando do filme:

                                       título original: (Soul Kitchen)
                                       lançamento: 2009 (Alemanha)

direção:Fatih Akin
atores:Adam Bousdoukos, Moritz Bleibtreu, Birol Ünel, Anna Bederke.
duração: 99 min
gênero: Comédia
Sinopse
Zinos Kazantsakis (Adam Bousdoukos) é o proprietário do restaurante Soul Kitchen. O negócio não anda bem, pois os clientes não aprovam a comida feita pelo novo cozinheiro. Para piorar a situação, Nadine Krüger (Pheline Roggan), a namorada de Zinos, resolveu se mudar para Xangai. Logo ele resolve partir à sua procura, mas para tanto precisa deixar o comando do restaurante a cargo de seu irmão, Illias (Moritz Bleibtreu), que saiu recentemente da prisão. Não demora muito para que Zinos descubra que Nadine já tem um novo namorado e que Illias perdera o restaurante no jogo.

3 comentários :

  1. Oi Fabi!!!
    Minha querida, temos muito em comum!
    Também gosto muito do Erasmo Carlos;
    Também adoro ficar acordada à noite, à frente da TV ou do Computador e acordar bem tarde no outro dia;
    E, prá mim, a Educação é a maior qualidade que uma pessoa pode ter, pois engloba tudo. Me refiro a educação mesmo, aquela que nossos pais nos dão e vamos aprimorando com o tempo, com a vida.
    Beijo no teu coração,
    Neyra.

    ResponderExcluir
  2. É isso mesmo meninas, educação é tudo!!!
    Acho mesmo que é a coisa mais importante que uma pessoa pode ter, e que os governos tinham que valorizar mais a escolarização de qualidade, porque ela é um grande passo para o cidadão ter educação. Boa sorte na readaptação.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Oi Fabi, tudo bem???
    Estás sumida... saudades!!!
    Beijos no coração,
    Neyra.

    ResponderExcluir

Qualidade Vivida

Qualidade Vivida
Qualidade Vivida