Google + O TESOURO MAIS VALIOSO DA VIDA ~ A VIDA COM ESCLEROSE MÚLTIPLA

Youtube

26 de mar de 2011

O TESOURO MAIS VALIOSO DA VIDA

Oi gente tudo bem? Desculpem pela pequena ausência, mas como vocês sabem já estou correndo atrás do tempo que deixei passar, porque não tinha que me preocupar com isso, então essa semana, fiz tarefas atrasadas (pra variar) de francês, estudei para uma avaliação, voltei para o pilates, procurei saber um pouco mais sobre a readaptação e não deu muito tempo de escrever para os meus queridos, vocês.
Mas nessa semana também, coincidentemente recebi dois emails maravilhosos que praticamente falavam sobre o mesmo assunto, um foi da nossa querida amiga Neyra que tem mel nas palavras de tão carinhosa e doce que é. E o outro da minha também querida psicóloga Ana.
Claro que cada um dos emails, abrangia outros assuntos, mas o que pareceu mais importante na hora que li, foi sobre a amizade.
Primeiro recebi esse com o artigo do chefe da psiquiatria em Stanford, que afirmou, entre outras coisas, que uma das melhores coisas que o homem pode fazer pela a sua saúde é estar casado com uma mulher…
Já para a mulher, uma das melhores coisas que ela pode fazer pela sua saúde é nutrir a sua relação com suas amigas.
Na hora, todos os presentes deram risada, mas ele falava sério.
As mulheres se conectam de forma diferenciada e oferecem sistemas de apoio que ajudam a lidar com o estresse e experiências de vida adversas…
Este tempo com as amigas nos ajuda a criar mais serotonina, um neurotransmissor que ajuda a combater a depressão e que pode vir a criar um sentimento de bem estar geral.
As mulheres compartilham seus sentimentos e os homens muitas vezes formam suas relações a partir de suas atividades.
Eles raramente sentam com um camarada e discutem como se sentem sobre determinadas coisas ou sobre o andamento de sua vida pessoal.
Trabalho? Sim.
Esporte? Sim.
Carros? Sim.
Pescar, Caçar, Golfe? Sim.
Seus sentimentos? Raramente.
As mulheres fazem isso o tempo todo.
Nós compartilhamos a nossa alma com nossas amigas, irmãs, mães e evidentemente isso faz bem à nossa saúde.
O Professor palestrante disse que passar o tempo com um amigo é tão importante para a nossa saúde quanto o exercício físico.
Existe uma tendência de se pensar que quando estamos nos exercitando estamos fazendo algo de bom para o nosso corpo, mas que quando estamos com nossos amigos estamos ‘jogando conversa fora’ e desperdiçando nosso tempo, o que não é verdade.
Então, toda vez que vocês estiverem se divertindo na companhia de uma amigona se parabenize porque você está fazendo bem a sua saúde!
 Esse foi a minha queridíssima amiga psicóloga que me enviou, e de repente eu na cama lendo esse artigo no meu smartphone (ui) recebo em outro email da Neyra com um texto lindo que diz muito de nós mulheres, mas também enfatiza esse lado que devemos preservar e alto valorizar, as nossas amigas!!!
 Gente estou contando isso aqui, porque é impressionante como mesmo a gente sem se conhecer pessoalmente, aqui no blog, já fiz muitas amigas, amigas de dividir as nossas angústias, de ajudarmos umas as outras, de comemorarmos as nossas alegrias e realizações e mesmo de longe a gente pensar naquela pessoa que parece que já a conhecemos faz tempo!!!
E ela, Neyra querida tem o dom de me emocionar! 
A minha melhor amiga real, aquela com quem saio, danço, tomo as caipivodkas e vinhos, conversaaaamos bastante, mas bastante mesmo, estava viajando e eu já com saudades pensei, "acho que a internet tem um toque muito especial nisso, fazemos amizades verdadeiras!! A EM nos trouxe muito perrengue na vida, sem dúvida, mas o que nos deu de bom, é muito maior!!! Temos o que de mais rico há na vida, o tesouro da vida e fazemos muito bem a nossa saúde!! 
A cada email que recebo através do blog e respondo e a cada comentário também, é uma amizade que nós construímos e para mantê-las temos que sempre regá-la!!!
Eu sou uma pessoa péssima pra responder email, ainda mais do gmail que agora que estou acostumando com o seu formato!!! Eu confesso, demoro, mas respondo!!!
Bom, e para ajudar parece que esse assunto tá batendo na minha porta mesmo essa semana, ontem assisti um filme que achei muito lindinho que é sobre uma amizade "virtual", verdadeira, estranha e  duradoura, Mary e Max uma amizade diferente.
Pessoal esse post quero dedicar a todas as minhas amigas daqui do blog, que estão sempre conversando comigo e aquelas que apenas tentam me entender, as minhas amigas de fora da rede, a minha amiga e psicóloga, as minhas irmãs, mãe, cunhada, a todas as mulheres que fazem parte da minha ótima saúde!!!! 
Beijão enorme para vocês meus queridos, que os machos não fiquem chateados comigo!!! Os amigos reais, virtuais, irmão e cunhado.
Dedico a vocês também, afinal fazemos parte da vida de vocês e contribuímos para a saúde ir bem!!!
Tenham um final de semana maravilhoso!!!


Em tempo: Como não podia deixar de colocar aí vão as informações do filminho lindinho que citei acima:

Mary e Max — Uma Amizade Diferente
Mary and Max
·          
                                          O diretor australiano Adam Elliot, de 38 anos, é um homem de coragem. Levou o Oscar de melhor curta de animação em 2004 por Harvie Krumpet e agora faz sua estreia no longa-metragem em um projeto bastante ousado. Trata-se de "Mary e Max — Uma Amizade Diferente", filme realizado com massinha de modelar, praticamente todo narrado, que apresenta temas pesadões como suicídio, desemprego e obesidade. Obviamente, não dá para indicá-lo às crianças. Mas sua mistura agridoce de drama e humor pode cair no agrado dos adultos. Segundo o cineasta, a trama tem inspirações reais. Começa em 1976, flagrando o cotidiano de Mary Daisy Dinkle, uma menina australiana de 8 anos que mora num subúrbio de Melbourne. Ignorada pelos pais, a garota está curiosa para saber de onde vêm os bebês. Por isso escreve, aleatoriamente, a um estranho de Nova York. Lá nos Estados Unidos, Max Horovitz recebe a carta dela. Gordo, solitário e sem emprego, esse judeu de 44 anos encontra conforto nas palavras da nova amiga. Mary e Max descobrem, então, paixões em comum, entre elas o chocolate, e se correspondem por quase duas décadas. Adam Elliot usa predominantemente duas cores: marrom para o mundo de Mary e cinza no universo de Max. Só de vez em quando despontam vermelhos, em línguas, lábios, adereços. Outra opção radical está no formato. Como os diálogos são raríssimos — o primeiro surge aos 27 minutos de projeção —, o roteiro serve-se de uma narração formidável do ator australiano Barry Humphries e de uma eclética trilha sonora (desde Nana Mouskouri, passando pelo descolado grupo Pink Martini, até o tema de Zorba, o Grego) para retratar a duradoura amizade dos protagonistas. Pensou num balaio de gatos esquisito? Excêntrico, pode ser, mas igualmente encantador, terno e adorável em sua hora e meia. Estreou em 16/04/2010.
·         
       Categoria: Filmes
·         Gênero: Animação
·         País / Ano: Austrália / 2009
·         Duração: 93 minutos
·         Direção: Adam Elliot
·         Censura: 12 anos

5 comentários :

  1. Olá Fabizita ! Vi este post recente aqui ao lado e fiquei muito feliz por te ver com bom astral ! :)) Embora o texto seja mais dedicado àas tuas amiga, reparei que havia aí um beijão para mim e cá estou a buscá-lo e a deixar outro ! rsrs
    Bom ver-te assim, querida amiga ! :)))
    Passa um bom fim de semana !
    .

    ResponderExcluir
  2. Oi Fabi, minha amiga querida!!!
    Obrigada por tuas palavras tão carinhosas!!!

    A internet tem o poder de aproximar e/ou reaproximar as pessoas. Amizades virtuais podem se tornar tão grandes e verdadeiras como as outras.

    Confesso que sou um tanto sózinha. Tenho amigos, mas não nos encontramos.
    Devido à problemas de ordem pessoal acabei me afastando das pessoas.
    Graças a Deus são grandes amizades, que nem a distância, o tempo ou os problemas conseguem prejudicar, pois como disse Mário Quintana: A AMIZADE É UM AMOR QUE NUNCA MORRE."

    Não me sinto só, pois tenho uma ótima convivência comigo mesma, mas tenho saudades dos amigos e concordo contigo, se os encontrasse para conversar, passear... com certeza, minha saúde estaria melhor.

    Obrigada Fabi por tua amizade, que é muito importante prá mim!!!
    Beijos com carinho... áh... e com mel, kkkk...
    da Neyra.

    ResponderExcluir
  3. Ruizito meu amigo giro
    claro que foi pensando em ti também querido, como podia esquecer? Jamais!!!
    Adorei sua visita, já estava com saudades!!!
    Grande beijo
    Fabí

    ResponderExcluir
  4. Doce Neyra,
    amizade que a distância não separa e os problemas não atrapalham, são mesmo para a vida toda!!
    E você como está? Alguma novidade no tratamento?

    Fique bem querida!!
    Enorme beijo da amiga que agradece a paciência e os comentários aqui no nosso cantinho!!!

    ResponderExcluir
  5. Oi minha amiga querida!!!

    Gostaria que as notícias fossem boas, mas a instabilidade das minhas pernas e coluna está muito forte. Caminhar tem sido uma aventura, apesar da bengala canadense.
    Também tenho tido muita tontura quando em pé ou caminhando, o que me preocupa bastante. Continuo tomando doses altas de cortisona via oral. Estou muito inchada, com cara de biscoitos trakinas. kkkkkkk...
    Este surto me pegou de jeito.
    Tenho consulta dia 24 de maio, espero que até lá haja alguma remissão.
    Seja o que Deus quizer!!!
    Desculpe o desabafo, tá?!!

    Beijos com muito carinho
    da Neyra.

    ResponderExcluir

Qualidade Vivida

Qualidade Vivida
Qualidade Vivida