Google + ANDAR COM FÉ ~ A VIDA COM ESCLEROSE MÚLTIPLA

Youtube

29 de abr de 2014

ANDAR COM FÉ

Oi gente tudo certinho com vocês? Comigo tudo bem.
Nesse último mês tive muitas coisinhas que me tiraram do ambiente virtual por um tempo. Começou com a velha história de problemas femininos no qual aguardava o meu doutorzinho conversar com o meu “gineco”, então resolvi ligar pra ele e perguntar sobre os medicamentos associados ao anticoncepcional que estava tomando e ele disse que não havia nenhum problema, porém havia conversado com o meu “gineco” e os dois acharam que o melhor a fazer no meu caso era colocar o DIU Mirena.
Vou resumir aqui para vocês meus queridos o que cada médico se preocupou comigo.
Primeiro foi o ginecologista que depois de muitas transvaginais, ressonância de útero que detectaram todos meus miomas, mediram, avaliaram e mostrou um pequeno cisto também enfim acredita piamente que tenho endometriose que o melhor tratamento é o Mirena.
No caso do meu doutorzinho, neurologista ele achou inviável ficar sofrendo tanto com esses dias de menstruação. Unindo as duas a TPM e a EM o stress é tanto que os sintomas às vezes pode se confundir com surtos ou falso- surtos coisa que acaba com a minha qualidade de vida e eu fico me arrastando por metade do mês, então ele conversou com o meu ginecologista que indicou o Mirena e me relatou que tem outras pacientes que também sofriam muito com o período menstrual e a esclerose múltipla e colocaram o DIU Mirena e se sentiram muito melhor.
Aí vocês me perguntam: “E ser mãe? Não era uma vontade sua?”
Sim era, bem antes de tudo, antes da EM, antes dos miomas, da suspeita de endometriose, de ter que fazer exames invasivos, antes de crescer, amadurecer e ver o mundo lá fora como está, ou seja antes que a vida real batesse a minha porta eu queria sim que um dia a minha menstruação atrasasse e de repente eu já estivesse grávida.
Mas a vida não quis assim e do outro jeito eu que não quis. Os anos passaram e cheguei ao meu limite, dizer que não posso engravidar, não posso pois nunca fiz essa tentativa. Mas sim, fiz uma escolha muito mais difícil que foi trocar a vontade de ser mãe pela minha qualidade de vida afinal eu não conseguia ficar sem hormônio senão não parava em pé direito.
Então no dia 2 de abril liguei pro meu ginecologista pra saber do que eu precisava pra colocar o DIU Mirena e ele me disse que eu tinha que estar nos primeiros dias de menstruação e eu disse a ele que tinha ficado na segunda-feira e era numa quarta-feira então ele falou: “Vem agora que eu coloco!”
E assim eu coloquei o Mirena, com 38 anos escolhi que serei a melhor tia do mundo para as minhas 3 sobrinhas e outros que vierem.
São 5 anos de sossego, assim espero, na semana passada 20 dias após sua introdução em meu organismo, a minha menstruação veio com cólicas mas bem menos poderosa do que antes seria. A nossa companheira diária bem quietinha nesse período que eu sentia de tudo. Apenas umas descargas elétricas pelo couro cabeludo e um pouco zonza, mas nada que atrapalhasse a minha rotina.
Me senti muito esperançosa!!!

Vou ficando por aqui meus queridos!!!
Desejando um ótimo feriado a todos!!!
E eu me preparando para ser a Tia Maravilha das minhas pequenas!!!

Mil beijinhos e até a próxima...

9 comentários :

  1. Fabi....eh isso ai...cuida das sobrinhas por enquanto
    Ja eu estou aqui toda dolorida da ultima pulso na quinta.minha visão ficou dupla denovo ,ai não tive como escapar...quanto ao bebê... bah queria tanto!mas temos medo... e o jeito vai esperar mais um pouco para minha Em estabilizar e quem sabe a gente tenta! Beijao.....ótimo feriadão pra ti!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Juliane,
      Nossa que coisa chata!!! Mas agora as coisas vão melhorando!!! E depois você pode pensar no assunto muito mais sossegada!!!
      Obrigada pra você também um ótimo feriado!!!
      BjAO

      Excluir
  2. Fabi querida, te admiro pela coragem, torço pela tua felicidade. Sem dúvida (acompanho pelo face a farra com as meninas) a tia mais querida do mundo!
    Se tivermos filhos, vamos querer uma tia assim emprestada!
    Bjaaaaaummmm

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bruna sentimento recíproco querida!!! Serei tia dos seus pequenos com prazer, só tem um problema não sou do tipo " tia desencanada" sou do tipo protetora e cuidadosa então a farra é controlada.... rsrs
      Bjao

      Excluir
  3. Olá Fabi,
    Fica difícil falar alguma coisa para vc diante da sua decisão, por sinal, acertadíssima. Isto porque comigo td aconteceu de forma mt diferente. Descobri a EM há 6 meses, com 52 anos, apesar de tê-la há mais tempo, porém tive um casal de filhos, uma com 28 anos e outro com 20 anos. Já estou mais para ser vovó, rsrs. Também já tinha feito uma Histerectomia total em 2011, por conta de vários miomas e consequentes sangramentos que me tiravam do sério. Já vivi todas essas experiências e sei o quanto devo ser grata por isso. Mas Fabi, Deus é tão maravilhoso que quando algo que queremos muito não nos é possível ter, ele lhe dá muitas compensações. Sempre leio vc escrevendo sobre o Baby, seu companheiro, que parece ser uma pessoa maravilhosa. Pessoas maravilhosas como vc atraem pessoas maravilhosas tb. Tenho certeza que vc é muito feliz e suas sobrinhas são privilegiadíssimas em tê-la como essa Super-mega-TIA. Parabéns pela sua coragem!
    Vc é mais que vencedora! Agora, vou falar um pouquinho de mim. Já estou tomando o Rebif há 3 semanas. O 1º dia foi barra: febre, mt frio e tremores, aiiii. Mas Deus é maravilhoso. Tudo se acertando. Estou toda cheia de manchas vermelhas nos locais das aplicações, porém ser dor. Quase uma dálmata rsrsrs Tb estou me sentindo melhor qto. aos sintomas e mt feliz com isso. Acho que o fato de eu estar tomando o medicamento tb está me trazendo segurança. Agora espero, com mt Fé, que o Rebif atue no meu organismo da melhor maneira possível e eu possa continuar minha caminhada com a mesma coragem que vejo em vc. Um grande bj no seu coração. Roseli

    ResponderExcluir
  4. Oiiiê Roseli
    sempre bom ter notícias suas, eu imagino que dever ser muito chata essas reações dos interferons mas você tem que ficar atenta se são todas comuns no uso da medicação, conheço casos raros mas que existem de pessoas que tiveram uma pequena reação alergica ao Copaxone( que eu uso) e ficaram sem poder utilizar tal medicamento.
    O Baby é mesmo um super companheiro me ajuda e me apoia em tudo eu sou uma sortuda mesmo...hehehe
    E tenho mesmo sorte que atraio pessoas especiais a minha volta que costumam me ajudar sempre!!!
    Minhas pequenas são as minhas alegrias da bagunça e ainda tenho uma gatinha que faz 5 anos no final desse que é a minha filha...kkk
    Eu sou sim essa pessoa que lhe escreve, se estou com cara feia é porque algo me incomoda, sou sempre feliz....rsrs
    Lhe digo que o início é muito díficil e você está se saindo muito bem, o negócio é começar o tratamento com essa fé que existe dentro de você e pensar sempre positivo!!!
    A coragem é algo que nasce dentro de você quando menos espera, tem que fazer o que é melhor pra você sempre!!!
    Nossa, acho que já escrevi demais....rs
    Grande beijo e uma ótima semana... :)

    ResponderExcluir
  5. Bah, o seu comentário sumiu mas relendo no meu email penso que você deve procurar um neurologista especialista que te peça todos os exames e descarte outras doenças. Precisa descobrir o seu diagnóstico, hoje a EM já está bem conhecida. Procure ajuda de um profissional !!!
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Oi Fabiana, tudo bem?

    Estou precisando de uma segunda opinião de Ginecologista, pode me passar o contato do seu médico? Você é de SP?

    Obrigada
    Bjo

    ResponderExcluir
  7. Olá Simone, tudo bem?
    Não sou de São Paulo capital, sou de São Carlos, interior de SP, meu ginecologista também. Só o meu neurologista é de São Paulo.

    Boa sorte,
    Beijos
    Fabi

    ResponderExcluir

Qualidade Vivida

Qualidade Vivida
Qualidade Vivida