Google + QUEM NÃO TEM COLÍRIO USA ÓCULOS ESCURO ~ A VIDA COM ESCLEROSE MÚLTIPLA

Youtube

4 de out de 2010

QUEM NÃO TEM COLÍRIO USA ÓCULOS ESCURO

Oi gente tudo bem? Eu estou bem melhor e com algumas novidades para vocês. Mas acho que hoje não vai dar pra falar de outro assunto a não ser as eleições não é?
Bom, a princípio quero dizer vocês meus queridos leitores que eu estou a algum tempo discrente dos políticos, mas como não é nada bom generalizar, posso dizer que aqui em São Carlos nos últimos 8 anos tivemos um ótimo prefeito, que não vai importar aqui dizer de que partido ele é, mas que ele fez o seu dever pela cidade, isso ele fez!
Então no começo eu digo "Não quero saber de nada" "Não vou votar em ninguém!" "É tudo a mesma coisa!" e patati patacolá e por aí vai!
Mas não é bem assim, afinal sou uma cidadã brasileira, moro no Estado mais rico do país, onde tenho o cargo de professora estadual concursada com o décimo quarto menor salário do país, formada em Ciências Sociais onde aprendi em Ciências Políticas muita teoria que a gente vivencia hoje o tempo todo, e me lembro que a cada aula de política com o professor Dr. Milton Lahuerta a gente saia tão emocionado da sala que era mais de duas horas pra gente conseguir mudar de assunto. Era "Teoria do Estado Moderno", "Pensamento Político", e "Teoria do Estado Contemporâneo" pois é todos os ismos, capitalismo, colonialismo, neoliberalismo e aquela teoria toda. Mas na realidade estamos vendo uma grande guerra dessas forças o Governo Estadual que não está aliado ao Federal, numa dessas a gente parece que fica sem rumo. Por exemplo, o Presidente da República melhorou o salário dos professores, porém o governador do Estado de São Paulo nem deu bola. Enquanto muitos professores lutam para acabar com a progressão continuada, os nossos governantes que estão no poder há 16 anos estão há pelo menos 12 formando alunos semianalfabetos e colocando a culpa nos professores que trabalham numa sala de aula lotada, sem ventilação adequada sem falar das carteiras, num ambiente difícil ainda não podem deter o aluno se não estiver aprovado, ou seja, reprovado palavra essa que não se usa mais.
Para quem não sabe do que estou falando vou dar uma leve esclarecida:

 O fato é que, considerando-se ou não os estudos já realizados, o regime passou a vigorar no Estado de São Paulo após a Deliberação 09/97 que implantou oficialmente a Progressão Continuada e que a partir de 1998 foi instaurado em todas as escolas da rede
estadual que ficaram organizadas (em consonância com a Reorganização das escolas da
rede estadual de São Paulo separadas de 1ª a 4ª e de 5ª à 8 ª ocorrida em 1996) deste modo:
CICLO I : 1ª , 2ª, 3ª e 4ª
PROGRESSÃO CONTINUADA
CICLO II : 5ª, 6ª, 7ª e 8ª
A estratégia de adoção do regime, de acordo com os documentos oficiais do
Estado, contribui para viabilizar a universalização da Educação Básica, que é o impulso
para as nações se projetarem e competirem mundialmente, também é um meio de garantir o
acesso e principalmente a permanência do aluno na escola. Os documentos também
indicam que esta medida é uma forma de otimizar recursos e de regularizar o fluxo de
alunos da rede (idade/série), pois a evasão e repetência eram considerados pela Secretaria
da Educação como “perniciosos ralos por onde se desperdiçam” os preciosos e poucos
recursos financeiros da Educação.
Para garantir a “aceitação” pelos professores da Progressão Continuada no âmbito
escolar, a Secretaria da Educação divulgou alguns outros documentos de cunho pedagógico
que explicitavam as bases teóricas como sendo aquelas do Construtivismo, ou seja, os
princípios de Piaget, Emília Ferreiro e Paulo Freire, conceitos de que todos são capazes de
aprender e que a aprendizagem é ininterrupta e não linear.
A partir deste princípios não fazia mais sentido reprovar um aluno pela falta de
domínio de alguns conteúdos, mesmo porque a avaliação passa a ser constante, contínua e
cumulativa e o reforço escolar e a recuperação, se necessários, devem ocorrer ao longo do
ano. A retenção de um aluno só acontecerá ao final dos ciclos em casos extremos de não
superação dos conteúdos e de faltas acima de 25%.

Sabe gente estou escrevendo aqui como uma forma de desabafo, de revolta sei lá! Só sei que hoje fui votar com a intenção de melhorar a educação no nosso Estado, porque sem a educação estamos ficando sem nada mesmo. A saúde não tem como melhorar sem educação, os empregos não tem como surgirem
Um país não pode crescer se a educação está falida, e no Estado de São Paulo ela está falida e pelo visto vai continuar, infelizmente!!
Com mais essa decepção! Como pôde um "palhaço" sem graça falido que responde por Tiririca que é mais parecido com cocô de galinha ganhar uma eleição a Deputado Federal com o maior número de votos? Com essa ignorante desculpa que por voto de protesto, protesto? Que tipo de protesto coloca os piores dentro?
Acho que preciso voltar para a faculdade as coisas realmente mudaram e acredito que hoje o meu Digníssimo Professor Dr. Milton Lahuerta é que deve estar chorando!!!
Bom, mas voltando eu só espero que aquele(s) ou aquela(s) que vai(ão) fazer a conta do número de caixas pra comprar os nossos medicamentos não seja um desses alunos, que passaram de ano na progressão continuada senão coitadinhos de nós esclerosados!!!

FONTE

Bom gente, desculpe pelo desabafo!!!

Tenham um ótimo dia!! Mil beijinhos e até...

2 comentários :

  1. oi fabi,tambem fiquei indignada, o povo brasileiro tá sem noção da nossa responsabilidade de cidadão, e somos nós que vamos sofrer com nossas escolhas, o que este tiririca vai fazer por nós brasileiros....absurdo
    não estou conseguindo atualizar seu blog, so tinha postagens antigas suas, bjinhos

    ResponderExcluir
  2. Oi Silvana
    não sei porque você não consegue ver minhas postagens o que aparece?
    Eu não estou conseguindo comentar no seu blog há muito tempo, mostra que não faço parte dos membros mas já loguei estou lhe seguindo desde o início!!!
    Aguardo sua resposta!!
    Bjo
    Fabí

    ResponderExcluir

Qualidade Vivida

Qualidade Vivida
Qualidade Vivida